A mais moderna do Estado do Rio de Janeiro, Usina Canabrava é inaugurada, totalmente automatizada pela SMAR

segunda-feira, 1 de março de 2010



"Localizada em Campos, Usina começará a moer em maio deste ano e terá capacidade para processar durante o período de safra, 2 milhões de toneladas de cana".

Com forte atuação no Estado do Rio de Janeiro, a SMAR foi a empresa responsável pela total automatização da recém-inaugurada Usina Canabrava. Localizada na cidade de Campos dos Goytacazes e de propriedade de Ludovico Ginnattásio, a Usina foi inaugurada em outubro de 2009 e entrará em operação em maio.

Elieser Valente, Diretor Industrial, e Vagner Alves, responsável pela Automação e Elétrica da Usina Canabrava, e Marcus Vinicius Ribeiro, Gerente de Aplicações, Dérek Stesse, Engenheiro responsável pelo projeto, João Luis Ancheschi, Vendedor, e José Roberto Sponchiado, Gerente de Vendas da SMAR, estiveram envolvidos neste projeto, que foi concluído em 90 dias, tendo as instalações realizadas pelo próprio cliente.

O grande diferencial deste projeto foi o TAF – Teste de Aceitação em Fábrica, onde é realizada a interligação e o teste de todo o sistema, na SMAR, antes do despacho dos produtos para o cliente. “Sabemos que hoje uma empresa busca a automação para ter mais produtividade e qualidade nos produtos, evitando paradas no processo, e é isso que a SMAR sabe fazer de melhor em qualquer segmento produtivo”, ressalta Sponchiado.

Ainda segundo o Gerente de Vendas, todos os projetos, pequenos ou grandes, são muito importantes para a SMAR. “É muito gratificante ver mais uma usina completa automatizada pela SMAR. Esperamos, como na Canabrava, realizar novos trabalhos deste porte no Estado do Rio de Janeiro”, ressalta.

Em detalhes, confira alguns dos trabalhos realizados pela SMAR em cada setor da Usina Canabrava:

Setor Moenda

Utilização do LC700, Protocolo HART,, responsável pelos seguintes controles:

  • Controle de nível do primeiro terno;
  • Proteção contra embuchamento das turbinas do picador e desfibrador;
  • Sincronismo das esteiras metálicas e de cana desfibrada;
  • Controle de nível do segundo, terceiro e quarto ternos e deslocamento dos rolos superiores da moenda;
  • Controle de embebição no quarto terno;
  • Controles de nível nas caixas de caldo.

Os ternos de moenda são totalmente motorizados. As variáveis dos relés inteligentes Siemens, em PROFIBUS DP, estão sendo todas monitoradas com o SYSTEM302. Esta é uma das grandes vantagens do sistema SMAR, já que possibilita aplicações híbridas com vários protocolos e neste caso em específico, os protocolos HART e PROFIBUS.


Setor Caldeira

  • Controle de nível a três elementos;
  • Controle de combustão;
  • Controle de tiragem;
  • Controle de nível do desaerador;
  • Controle de recirculação da bomba de água que alimenta a caldeira.

Neste projeto, está sendo montada uma caldeira de 200 ton/h de vapor de 65 kgf/cm² a 500 °C, para a cogeração de energia e o sistema utilizado será com redundância. Será capaz de gerar 43 MW.



Setor Tratamento de Caldo

Este setor é totalmente automatizado com protocolos HART e monitoração em PROFIBUS DP.

Setor Destilaria
Este setor terá capacidade para produzir 500 mil litros de álcool hidratado, sendo totalmente automatizado. Mesmo fabricando apenas álcool no início de sua produção, a Usina Canabrava já está com a estrutura montada para a fabricação de açúcar.


Tela do supervisório: Desaerador


Tela do supervisório: Moenda


Tela do supervisório: Tratamento de caldo