Nova turma de Profissionais Certificados SMAR em Tecnologia e Instalações Profibus e AS-interface

quinta-feira, 21 de julho de 2011



 

De 18 a 21 de Julho mais uma turma de 15 profissionais da SMAR passou por treinamentos avançados e pelo processo de certificação SMAR  em redes Profibus e As-interface ministrados por César Cassiolato. Além de ser um dos especialistas mundiais na tecnologia PROFIBUS, Cassiolato é um dos responsáveis pela fundação e história do Profibus na América Latina, estando na diretoria da Associação por vários anos e sendo um dos diretores técnicos do primeiro Centro de Competência em PROFIBUS da América Latina.

Segundo Cassiolato, algumas empresas do mercado estão ofertando e executando serviços de verificação de rede e não de certificação. “Verificação é o processo em que se verifica a rede lógica e fisicamente. É um processo de diagnóstico e que mostra como estão as redes PROFIBUS e as instalações. Algo pontual em alguns casos. Já na certificação, um profissional , avalia o projeto PROFIBUS, faz o processo de verificação, identifica pontos de correções e melhorias tanto na parte elétrica quanto mecânica. Após a correção destes pontos identificados, repete-se o processo de verificação, e uma vez que tudo está correto, certifica-se que a rede e instalações estão dentro dos padrões naquela data. Nesta análise pode-se incluir as condições mínimas de configuração de equipamentos”.

É possível seguir uma análise, envolvendo várias etapas:

  1. Inspeção e análise física: são feitas verificações para garantir que a instalação, elétrica e mecânica, está de acordo com o projeto e com as normas, com os padrões e documentações específicas. Esta inspeção leva em conta itens como comprimento máximo de cada segmento, número máximo de dispositivos por segmento, aterramento e shield da rede, terminações, repetidores, conectores, caixas de distribuições, OLMs, qualidade e integridade do cabo, EMI, temperatura, FISCO, classificação de áreas, etc.;
     
  2. Análise da comunicação: utilizando ferramentas específicas, verifica-se o desempenho da comunicação PROFIBUS DP e PA.  É verificada a troca de mensagens entre os dispositivos da rede, analisando-se a integridade dos frames, diagnósticos, parametrizações mínimas, etc.;
     
  3. Análise de sinal: são analisados os itens referentes à qualidade do sinal da rede PROFIBUS DP e PA utilizando ferramentas específicas e/ou osciloscópio.

 Cassiolato acrescenta que como o PROFIBUS é uma tecnologia consolidada em milhares de aplicações em todo o mundo, é essencial que os projetos de sistemas de automação que utilizam esta tecnologia contem com profissionais altamente capacitados e reconhecidos para garantir o sucesso do empreendimento.

No caso da SMAR, ela possui uma ampla equipe capacitada para análise de redes digitais de automação, configuração, comissionamento, startup e instalações. São milhares de pontos PROFIBUS e AS-i certificados e verificados pela empresa em várias aplicações e nos mais diversos segmentos industriais, garantindo, além da conformidade com os padrões, mais vantagens como:

  • aumento do desempenho e confiabilidade da rede;
  • redução no tempo de comissionamento, startups e paradas;
  • atuação preventiva e preditiva nas possíveis falhas em instalações e sinais de comunicação;
  • aumento da segurança operacional com as melhorias sugeridas;
  • elevação da performance operacional e redução dos custos globais de operação e manutenção, entre outros.

 Com a SMAR, o cliente tem acesso a relatórios detalhados das informações e análises técnicas, mostrando os pontos em desacordo com os padrões, as correções necessárias e as sugestões de melhorias. A empresa preza também pela excelência, pois os projetos são executados de acordo com os padrões e especificações definidos pelo PROFIBUS International, em prazos e custos menores e com uma garantia de sucesso facilitada.

O Diretor da SMAR ainda explica que é fundamental que a verificação e certificação de redes sejam feitas por profissionais capacitados. “Este processo deve ser criterioso, documentado e rico em informações que permitam a sua constante melhoria”.

Este treinamento ainda teve um módulo avançado de aterramento, blindagem, ruídos e dicas de instalação.

O engenheiro e gerente de produtos da SMAR, Marcus Vínicius M. e Silva , quem participou deste processo de certificação com sucesso comenta: “Até então, os conceitos das tecnologias Profibus e AS-i me eram muito distantes, especialmente pelo fato de eu estar familiarizado com 4-20mA e devices, exclusivamente. O treinamento me possibilitou tanto um salto considerável de conhecimento no assunto quanto, principalmente, um estímulo para conhecer mais sobre redes digitais. Recomendo a todos da empresa. É uma semana de muito aprendizado que nem senti passar”

De acordo com o Rodrigo José Garcia, engenheiro de aplicações da SMAR, "Participar do treinamento e certificação em redes Profibus e AS-i foi uma experiência muito enriquecedora para nós profissionais da área.   Ministrado por um dos especialistas mundias na tecnologia, contamos com muita informação técnica e estudos de caso, preparando-nos para as mais diversas situações que podemos nos deparar em campo.   Este constante investimento da SMAR na qualificação de seus profissionais resulta em uma prestação de serviços diferenciada, atendendo às exigências mundiais no assunto."

O sucesso de um projeto PROFIBUS e AS-i está intimamente ligado às condições de suas instalações. Por isso, a SMAR prioriza o excelente trabalho desde as etapas de projetos, especificações e aquisições de materiais, montagem e condições físicas, sempre para atender aos mais exigentes requisitos de qualidade.