Medição de Grau Plato com o DT302 proporciona ganhos de produtividade à Schincariol

quarta-feira, 22 de setembro de 2004



A unidade de Cachoeiras de Macacu/RJ da Schincariol, segundo maior grupo cervejeiro do país, colocou em operação seus vinte tanques de fermentação instrumentados com o DT 302 – Transmissor de Densidade Foundation Fieldbus da Smar.Estes instrumentos medem o Grau Plato continuamente e em tempo real durante o processo de fermentação da cerveja, representando uma grande evolução em relação ao sistema convencional que se baseia em amostragem e análise de laboratório.

Fermentação é o processo pelo qual carboidratos fermentáveis são convertidos pelo fermento em álcool e outros sub-produtos. Vários fatores influenciam o processo de fermentação da cerveja, especialmente a composição do mosto e as condições de fermentação. A composição do mosto modifica a fermentação pela presença e concentração de vários nutrientes, pH, grau de aeração e temperatura. Estes fatores podem afetar a taxa de fermentação, a extensão da fermentação, a quantidade de levedura produzida e a qualidade da cerveja. As condições de fermentação são influenciadas pelo tempo, temperatura do mosto, volume, design do tanque de fermentação, pressão, agitação e correntes no mosto.

Como se pode observar, o processo de fermentação da cerveja é bastante complexo, sendo influenciado por diversos fatores. Para se monitorar este processo usa-se o Grau Plato, que é uma unidade de concentração, que, por definição, é a porcentagem em massa de sacarose presente em uma solução. Portanto, conhecendo-se o Grau Plato é possível monitorar e controlar o processo de fermentação da cerveja.

O transmissor de densidade DT302, projetado e patenteado pela Smar, é o único transmissor de densidade no mercado que fornece o Grau Plato continuamente, em tempo real e com precisão de laboratório, durante todo o processo de fermentação. Este transmissor de densidade modelo sanitário é adequado para instalação em cervejarias, já que utiliza uma conexão sanitária tipo tri-clamp para acoplamento ao processo. O acabamento superficial de sua sonda segue as recomendações da norma 3A e seu formato foi especialmente projetado para permitir a limpeza CIP, sem a necessidade de retirar o equipamento do processo. Além disso sua instalação pode ser feita em tanques de fermentação já existentes, pois a Smar desenvolveu um adaptador para receber o transmissor de densidade, que é instalado no tanque sem a necessidade de solda e, portanto, sem a necessidade de se refazer o polimento interno no tanque.

O DT302 indica o instante exato que o processo do término da fermentação e, portanto, o momento em que o tanque está pronto para ser refrigerado, dando início ao processo de maturação da cerveja. Esta característica permite a otimização do consumo de energia, reduzindo custos. Além disso, com a medição do Grau Plato em tempo real o operador sabe o estado atual do processo, permitindo uma reação imediata caso ocorra qualquer mudança indesejada no processo. Isto reduz erros e perdas comumente associadas à tomada de amostras.

Segundo o Gerente Industrial da unidade da Schincariol de Cachoeiras de Macacu, Homero Guercia, a implantação desta nova tecnologia foi coroada de pleno êxito. “Após vários meses de operação dos Transmissores de Densidade Smar nos tanques de fermentação, conseguimos, através da medição contínua do Grau Plato e do Volume de extrato compensado pela densidade, uma melhor padronização do nosso processo produtivo e, conseqüentemente, uma melhor qualidade do produto em fermentação. Conseguimos também uma racionalização dos recursos, principalmente a abertura de frio no momento exato, o que propiciou significativa redução de custo de energia. Conseguimos ainda ganhos de produtividade, uma vez que não precisamos mais recolher tantas amostras para análises laboratoriais como fazíamos no passado, além de reduzir os desperdícios com o grande número de amostras”, conclui.