Transmissores e Posicionadores Profibus PA fazem a diferença na planta da Cia. Iguaçu

terça-feira, 24 de maio de 2005



A Companhia Iguaçu de Café Solúvel, situada em Cornélio Procópio, no Paraná, está em fase de automação da sua área produtiva (concentração e extração), objetivando a melhoria na produtividade e qualidade de seus produtos. A indústria optou pela automação em Profibus com instrumentos Profibus PA Smar.

A decisão aconteceu em outubro de 2004, após umavisita de engenheiros e técnicos da Café Iguaçu nas fábricas da Smar. Acompanhados pelo engenheiro César Cassiolato, diretor de marketing, e Júlio César Valdrighi, da filial Maringá, a equipe certificou-se da alta tecnologia dos produtos da multinacional de automação. A Smar forneceu 130 equipamentos da linha 303(ProfibusPA), incluindo transmissoresdepressão, temperatura, nível e o transmissor de densidade/concentração Touché. A Companhia atua na fabricação e comercialização de café solúvel e derivados no mercado interno, sendoumadas maiores exportadoras brasileiras do produto.

O que a Cia. Iguaçu fala da Smar:
  • Osvaldo Vitorino, projetista técnico em eletrotécnica: “Esta é a primeira vez que a Cia. Iguaçu aplica em uma de suas plantas um novo conceito de instrumentação inteligente. Agradecemos à Smar por nos ajudar a vencer esse desafio e contamos com o mesmo empenho para outros que ainda estão por vir. Sempre que precisamos de apoio e informações, tivemos nossas expectativas atendidas".
  • João Eduardo Carvalho, técnico de automação:“Os instrumentos Smar são de fácil calibração e configuração, facilitando, desta forma, o processo de comissionamento e testes".
  • Luiz Sartori, gerente de projetos:“Apesar do pouco tempo de funcionamento, já nota-se a qualidade dos instrumentos Smar".