Planta Didática da Smar enriquece, desde 2001, grade curricular da PUC-Minas

terça-feira, 19 de maio de 2009



A PUC-Minas (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais) mantém um importante diferencial em sua grade curricular. A universidade oferece, desde 2001 no campus de Belo Horizonte, aulas com a Planta Didática Smar, ferramenta de ensino que agrega experiência prática aos conhecimentos teóricos dos futuros engenheiros.

Neste ano, a planta, que utilizava o sistema ISP – Interoperable Systems Project, recebeu um upgrade e passou a operar com a tecnologia Foundation fieldbus, um protocolo de rede aberto que oferece inúmeras possibilidades ao mercado de automação industrial. A professora Rose Mary C. Schuttenberg destaca a importância da interação dos alunos com a Planta Didática, que simula um ambiente industrial, gerando os conhecimentos necessários para a tomada de decisões na otimização de processos. “Com o auxílio da Planta Didática Smar, e agora com a tecnologia Foundation fieldbus, estamos capacitando nossos alunos com as técnicas de controle avançadas, estudadas nas disciplinas teóricas e aplicadas, com foco em várias estratégias de controle atuando em variáveis como nível, vazão e temperatura”, comenta.

Desde que começou a ser utilizada na faculdade, mais de 3 mil alunos das Engenharias Elétrica, Eletrônica e de Telecomunicação, de Controle e Automação, já tiveram aulas com a planta, que auxilia o aprendizado de disciplinas como Automação, Informática Avançada (Supervisórios) e Controle de Processos.

Segundo Luciano Botto, Gerente de Marketing com Instituições de Ensino da Smar, a Planta assegura que esses profissionais recém-formados cheguem habilitados ao mercado de trabalho. “A experiência prática do engenheiro que tem acesso à planta didática ainda na graduação pode ser comparada aos anos de residência de um médico, que necessita de muita bagagem para ser bem aceito pelo mercado”, compara.

A Planta Didática instalada na PUC-Minas também serve de modelo para outras instituições de ensino, como o CEFET-MG – Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais.