Unidade da Cosan em Jataí entra em operação com equipamentos e sistema SMAR

quinta-feira, 19 de novembro de 2009



Com duas turbinas para geração de energia elétrica (35mw e 30mw), capacidade de moagem de 21 milhões de toneladas de cana por dia e produção de 2.249 metros cúbicos de álcool por dia, entra em operação, com automação SMAR, uma das maiores e mais automatizadas usinas do mundo, a unidade do Grupo Cosan em Jataí, GO.

Segundo Fernando Liboni, Gerente de Projeto da SMAR Divisão Internacional, a SMAR estará presente em praticamente todas as etapas do processo. “Os equipamentos de campo da SMAR já estão instalados em diversas partes da usina, como Utilidades, Preparo, Tratamento, Fermentação, Destilaria, Esteiras, Turbo Gerador, Captação, ETA, Caldeiras e Difusor”. Foram instalados na planta nove painéis de controle com protocolo Profibus, além de posicionadores de válvulas e transmissores de pressão e temperatura. São 14 estações de operação redundantes, configuradas pela SMAR e organizadas em uma sala de controle COI – Centro de Operações Integradas.É mais uma aplicação de sucesso do SYSTEM302-7, o sistema de automação e controle Smar.

Veja algumas vantagens do SYSTEM302-7 e que vem sendo explorada em milhares de aplicações ao redor do mundo:

  • Flexibilidade para alterar as configurações atendendo às novas demandas;
  • Distribuição de funções críticas, como o controle em campo;
  • Maior número de informações, que não sejam de processo, para o gerenciamento da instrumentação e do processo e ainda integração aos negócios;
  • Arquitetura mais enxuta com custos iniciais, operacionais e de manutenção menores;
  • Interoperabilidade entre vários fabricantes aumentando as possibilidades de escolha e a redução de custos com sobressalentes;
  • Totalmente digital e conectividade a múltiplos protocolos(HART, Foundation Fieldbus, Profibus-DP, Profibus-PA, DeviceNet, As-i, Modbus, etc);
  • Possibilidade de expansão a custo reduzido, arquitetura escalável;
  • Redundância nos mais diversos níveis, mairo disponibilidade, maior segurança;
  • Maior facilidade no aprendizado;
  • Operação facilitada, enegenharia simplificada, ambiente multiusuário;
  • Operação remota;
  • Integração das funções de operação, manutenção e engenharia em todos os processos a partir da Sala de Controle Central, baseada em protocolos padrões;
  • Visão completa de todo o processo através de interfaces gráficas intuitivas.
  • Gerenciamento de Ativos (baseado em web, EDDL, FDT/DTM), MES

Ainda segundo Liboni, a Cosan Jataí, considerada uma das mais completas usinas do mundo, se destaca pelo alto nível de profissionalização. “Atualmente existem grandes usinas com controle automático, mas esta unidade, em especial, chama atenção pela profissionalização, pois desde a terraplanagem as metodologias de gerência de projetos estão presentes na tomada de decisões, realizada por um grupo de engenharia responsável pela entrega do projeto”, conclui.

SYSTEM302: Inovação, Resultados e Excelência


COI – Centro de Operações Integradas da Usina Jataí – informações à mão, em um único local