Deten Química S.A. e SMAR mantêm parceria de sucesso na indústria petroquímica

terça-feira, 15 de dezembro de 2009



Está em operação, desde o mês de agosto, com a versão atualizada do sistema de controle da SMAR, SYSTEM302-7, a planta industrial Deten I, da multinacional Deten Química S.A., localizada no pólo petroquímico de Camaçari, na Bahia.

Parceira da SMAR desde 1994, quando colocou em operação o primeiro sistema Foundation fieldbus do mundo, a Deten Química S.A. é uma das principais produtoras de LAB – Linear Alquibenzeno e LAS – Ácido Linear Alquibenzeno, que dão origem ao Linear Alquibenzeno Sulfonato, substância utilizada mundialmente para a produção de detergentes líquidos e em pó.

Nestes quinze anos de parceria diversas áreas da Deten, como as plantas Deten I, Deten II, e a área de sulfonação, passaram a utilizar o sistema de automação SMAR em suas versões atualizadas e juntas somam hoje 1.150 equipamentos de campo Foundation H1 (entre transmissores SMAR e de outros fabricantes); controladores SMAR, sendo 50 pares de DF63 e 13 pares de DF75, responsáveis pela integração entre controle contínuo e controle discreto, bem como entre redes digitais Foundation H1 e cartões de ES; arquitetura multi-usuário com oito estações de operação, quatro servidores OPC (OLE for Process Control), duas estações de engenharia, um servidor SQL (Structured Query Language) e um servidor web; além do Gerenciador de Ativos AssetView da SMAR.

Segundo Alexandre Pessoa Santana, Engenheiro de Instrumentação Sênior da Deten, inúmeras características do SYSTEM302-7 trazem benefícios para o processo. “Os recursos de diagnóstico são muito importantes, pois permitem solucionar falhas de maneira direta e rápida, otimizando a mão-de-obra. Já a redundância é o ponto-chave do sistema, pois sem ela ficariam impraticáveis a manutenção, a implementação de modificações, a operação e a confiabilidade do sistema”, enfatiza. “O suporte oferecido pela SMAR também foi fundamental para o sucesso do projeto, uma vez que implementamos uma arquitetura completamente nova e não tivemos comprometimentos de produção nem de prazo de partida. O atendimento e a solução dos problemas foram muito rápidos”, completa o engenheiro.

Outro diferencial apontado por Santana é a facilidade de configuração e integração de instrumentos de campo de diversos fabricantes, o que, segundo Rodrigo Aznar Mendes, coordenador dos controladores DF62, DF63 e DF75, consolida o SYSTEM302-7 como um sistema realmente aberto e padronizado. “O SYSTEM302-7 representa, assim, a solução ideal para aqueles que consideram a liberdade de escolha como fator decisivo para a aquisição do seu sistema de automação”, garante.

Para Mendes, o sucesso do empreendimento é resultado de um trabalho em equipe. “O suporte constante oferecido por especialistas de todas as áreas da SMAR, buscando sempre atender às necessidades do cliente mesmo nos detalhes específicos de sua aplicação, é um diferencial sempre citado por nossos clientes”, destaca.